Home > Notícias > Gühring > Ultrarrápida e muito resistente

Ultrarrápida e muito resistente

18/03/2014

Fresas HPC podem durar até cinco vezes mais

Líder na indústria de ferramentas de alta precisão, a Gühring dá um salto importante na tecnologia de fresamento PCD com sua nova fresa HPC, projetada para extrair o máximo de desempenho em usinagem de alumínio e de suas ligas. Graças à sua revolucionária tecnologia de fresamento PCD (policristalino de diamante), que combina dureza, resistência e baixo nível de ruído, a fresa HPC pode ter uma vida útil até 5 vezes maior que uma fresa tradicional.

Essas características a tornam ideal para fresamento frontal de cabeçotes, vedação ou faces do flange, carcaças de transmissão, cárter e blocos de motores, entre outras aplicações. “A HPC é a ferramenta certa para quem necessita de desbaste e acabamento em materiais não ferrosos com a máxima durabilidade e perfeição”, ressalta Neider Soares, engenheiro da Gühring Brasil.  Ele lembra que as ferramentas de PCD começaram a ganhar mais espaço no Brasil nos últimos anos, e, aos poucos, as montadoras substituem motores fabricados com ferro fundido por peças de alumínio. “Um forte nicho para a linha de fresas HPC”, diz o engenheiro.

Além do fator precisão, a produtividade é outro forte dessa ferramenta. Por ter 125 mm de diâmetro e 27 facas (contra 12 das concorrentes), tem um rendimento 2 a 3 vezes superior às fresas concorrentes. Equipada com extrator de cavaco, a HPC foi desenvolvida em conjunto com a Audi, que até recentemente mantinha exclusividade de uso dessa ferramenta. Com o novo sistema de posicionamento da câmara de cavaco e a saída do fluído de refrigeração, os cavacos são desviados da área usinada. Assim, evita-se que os cavacos cheguem às áreas internas, altamente sensíveis da peça. “Desta forma, é possível reduzir o tempo e custo de uma limpeza complexa dos produtos”, explica Soares.