Home > Notícias > Acontece > SETOR DE MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS CRESCE EM ABRIL

SETOR DE MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS CRESCE EM ABRIL

04/06/2014

Abimaq diz que foi o melhor mês de abril desde 2009

De acordo com Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq) o faturamento bruto da indústria brasileira de máquinas e equipamentos registrou crescimento de 4,2% em abril em comparação ao mês março, com desempenho de R$ 6,8 bilhões. Segundo a entidade, foi o melhor mês de abril desde 2009. Em comparação ao mesmo mês do ano passado, o crescimento foi de 4,6%. Nos quatro primeiros meses deste ano, o faturamento do setor somou R$ 23,8 bilhões, valor 8,2% inferior ante os quatro primeiros meses de 2012.

O resultado das exportações de abril/14 no valor de US$ 1,123 bilhão foi 10,9% acima do resultado registrado em março/14 e, quando comparado com o mesmo mês de 2013 observou-se crescimento de 23,5%. No quadrimestre, o resultado de US$ 4,315 bilhões, mantém o forte crescimento sobre 2013 (26,7%), e continua sendo o melhor resultado de toda a série histórica, respondendo por 45% do faturamento total do setor, bem acima da média histórica de 32%.

Os principais destinos das exportações brasileiras de máquinas e equipamentos são, pela ordem, América Latina, Estados Unidos e Europa. As exportações para a América Latina, incluindo o Mercosul, tiveram uma queda relativa a partir de 2010. Em contrapartida observou-se crescimento para a Europa e principalmente para os EUA. Por outro lado, no mês de abril/14 foram importados US$ 2,469 bilhões em máquinas e equipamentos. Na comparação com março/14 a importação cresceu 5,6%. No quadrimestre, as importações alcançaram o montante de US$ 10,012 bilhões.

A principal origem das importações de máquinas e equipamentos em valores monetários voltou a ser os Estados Unidos com 24,0% do total importado. A China, voltou a ocupar a segunda colocação, após dois meses liderando o ranking, em razão de duas operações realizadas em janeiro/14. Juntos, esses dois países representam 44,4% do total das importações brasileiras. Nos primeiros quatro meses do ano, as exportações foram responsáveis por quase metade do faturamento da indústria de máquinas e equipamentos no país. (fonte: Agencia Brasil/Valor Econômico)