Home > Notícias > Acontece > Energia solar brilha no país

Energia solar brilha no país

12/12/2016

Brasil dispõe de um potencial gigantesco, mas atualmente tem menos de 1 GW instalado

A energia solar fotovoltaica é agora, depois de hidráulica e eólica, a terceira mais importante fonte de energia renovável em termos de capacidade instalada no mundo. Mais de 100 países utilizam energia solar fotovoltaica. A China, Japão e Estados Unidos, atualmente, são os mercados de energia fotovoltaica, contribuindo com quase 6% de sua demanda de eletricidade. A Alemanha é o maior produtor, mas estima-se que em breve será superado pela China. A Europa possui 88 GW de energia fotovoltaica instalada.

A energia eólica saltou de cerca de 1% da matriz energética nacional para cerca de 6% em uma década. O mesmo é esperado pela energia solar cuja expectativa até 2024 é passar a responder por 4% da matriz energética brasileira, que é de apenas 0,02%. "Será um salto de 200 vezes em relação ao que temos hoje”, diz Rodrigo Lopes Sauaia, presidente da Absolar (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica).

Para se ter ideia do potencial do Brasil para produzir energia fotovoltaica, a radiação solar na região menos ensolarada do país é 40% maior do que na região mais ensolarada da Alemanha, por exemplo, hoje o maior produtor de energia fotovoltaica. Para aproveitar este potencial o preço do kWp - medida de potência energética associada com células fotovoltaicas - está reduzindo e nos próximos anos o desafio será abrir novas linhas de crédito e financiamento. A tendência é de que surjam mais programas do governo e modelos de negócios, tornando o processo mais acessível.

Os custos da energia elétrica têm contribuído para impulsionar o número de instalações do sistema fotovoltaico. Os estados que mais instalam energia solar são Minas Gerais, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e São Paulo, sendo MG um dos pioneiros e com mais instalações e o RJ com melhor potencial e mais instalações por m². Na área empresarial, os estados que mais tem adotado e instalado sistema fotovoltaico são: São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Santa Catarina. De acordo com a resolução 482, de 2012, o governo garante a todos - públicos residencial, comercial ou industrial - que optarem pela energia solar, descontos na conta de luz. (Fontes: Usinagem Brasil/Absolar)